10 animais muito estranhos

As espécies evoluem de acordo com o ambiente que as circunda e essa evolução consiste na alteração das características físicas e biológicas ao longo das gerações. Charles Darwin dedicou a sua vida a estudar a evolução das espécies e conseguiu elucidar o mundo sobre o porquê das espécies evoluírem de forma diferente em diferentes locais e eventualmente tornarem-se em espécies diferentes. Porém,  há animais que contradizem esta teoria e que ou não evoluem, ou nos mostram que a evolução de vez em quando não tem grande preocupação com o aspecto dos animais. Hoje damos a conhecer 10 animais muito estranhos, que nos fazem questionar se era mesmo necessário ter aquele aspecto!

 

10. Cegonha Bico de Sapato

Cegonha-bico-de-sapatoEsta cegonha, Balaeniceps rex, vai buscar o seu nome ao enorme bico com a forma de sapato. É uma ave grande com cerca de 1,2 metros de altura, 5,6Kg de peso e uma envergadura de asas de 2,33 metros. Vivem em África, em zonas pantanosas desde o Sudão à Zâmbia. Foi descoberta pela comunidade cientifica no final do século 19 mas já era conhecida pelos Egípcios e pelos Árabes, visto que existem imagens egípcias que a descreviam.

9. Aye Aye

aye_ayeOs Aye-Ayes parecem-se com o Gollum, mas não fazem parte do Senhor dos anéis. São oriundos de Madagáscar, berço de alguns dos mais estranhos animais do mundo. O Aye-Aye é um primata próximo dos macacos, chimpanzés e mesmo dos humanos. Alimentam-se de térmitas e outros insectos que fazem ninho, mas ao contrário dos chimpanzés que usam um galho para apanhar os insectos, os Aye-ayes contam com um dedo médio de cada mão muito longo e esguio para chegarem aos insectos sem a ajuda de ferramentas.

8. Polvo Dumbo

polvo_dumboEstes polvos da família dos Grimpoteuthis são conhecidos como Dumbo devido às barbatanas com forma de orelha que têm na cabeça – que é o corpo – e que fazem lembrar o elefante voador da Disney. Vivem a grandes profundidades e pertencem à espécie de polvos mais rara.

7. Coelho Angora

coelho-angoraO coelho Angora é uma variante do coelho doméstico, apreciado pelo seu longo pêlo. Os coelhos foram animais de estimação muito populares no tempo da realeza francesa em meados de 1700, e espelharam-se para outras partes da Europa no final do século. O longo pêlo pode ser removido com tosquia ou puxando gentilmente a lã solta.

6. Narval

narvalO Narval é um cetáceo do Ártico. É uma das duas espécies de baleia branca, a outra é a Beluga. A característica mais notável do Narval macho é a longa presa que se projecta do lado esquerdo do maxilar superior. Esta presa pode atingir mais de 2 metros de comprimento. O propósito desta presa é assunto de debate desde que foi descoberto mas as teorias mais recentes dizem que serve para marcar a dominância. O macho com a maior presa tem melhor possibilidade de atrair uma fêmea.

5. Tamboril Anglerfish

anglerfishO tamboril é um peixe muito pouco atraente fora do prato, mas este tamboril específico é digno de um filme de terror. Estes têm na cabeça um “isco” que usam para atrair as suas presas, como um pescador faz com a cana de pesca. Atiram o “isco” para a frente e recolhem-no fazendo-o parecer um pequeno animal. Vivem sobretudo na zona do oceano onde a luz solar não chega e os seus “iscos” são bioluminescentes.

4. Cavalo Marinho de folhas

cavalo-folhaParecem-se com pedaços de alga a flutuar. É uma camuflagem perfeita, com verde, laranja e dourado por todo o corpo. Somente o moviemnto das pequenas barbatanas ou o mexer eventual dos olhos o desmascaram. Não têm dentes nem estômago e alimentam-se exclusivamente de camarões minúsculos. Vivem em águas frias, á volta de 10º, e são protegidos pelo governo Australiano desde 1982.

3. Carangejo Yeti

carangejo-yetiEste caranguejo foi descoberto em 2005 no Oceano Pacífico Sul. Encontra-se coberto por uma penugem loura e sedosa que cobre o torax, as pernas e as pinças. Os seus olhos são muito pequenos e sem pigmento e pensa-se que sejam cegos. A penugem contém bactérias que o animal usa para filtrar os minerais tóxicos da água que sai das fontes hidro-termais onde vive.

2. Porco do mar

porcomarOs Porcos do mar vivem no fundo dos oceanos em todo o mundo, com excepção do norte do Atlântico e a parte este do Oceano Pacífico. Medem entre 5 e 10 cm, pernas com a forma de tubos e 10 tentáculos com os quais extraem partículas do fundo do mar para se alimentarem. Digam lá se não parece que as tetas da vaca ganharam vida própria?

1. Blobfish

blobfishSe quiserem a nossa opinião sobre este peixe, achamos que a evolução tinha bebido uns copos a mais antes de tratar do seu aspecto! É com certeza a criatura mais estranha que já vimos. O mais incrível é que é tão preguiçoso como parece, até a comer se limita a engolir o que estiver a flutuar por perto naquele momento. Dá mesmo a sensação que se trata de uma experiência que correu mal.

 

 

Artigos Relacionados:

10 grandes roubos bem sucedidos
As 10 máfias mais perigosas do mundo
Imagens da Semana (2013.21)
10 meteoritos que ficaram na história

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

404