10 razões para sair de casa (2013.04) 1

Estamos a chegar ao fim de mais uma semana e por esta altura o que não faltam são eventos para passarmos um fim de semana em cheio. Seja ao ar livre ou dentro de um espaço, a oferta é variada e para todas as idades. Deixamos-vos com as 10 razões para sair de casa neste fim de semana!

 

10. Sir Scratch

 scratch Artista referência na cena Hip-Hop portuguesa, sobe ao palco do Hard Club para apresentar o seu último tarbalho “Em Nosso Nome”. Com Bob da Rage Sense, Sam The Kid, Kacetado, Tamin, NBC, Luanda Cozetti, Dino, Brain e Filipe Gonçalves, num espectáculo que reserva algumas surpresas.

Local: Hard Club, Porto

Horário: 25 de Janeiro às 22h

Preço: 10€

 

9. Café Improv

 CAFE-IMPROV

Comédia de improviso pelo Café Improv, Teatro Anónimo. Uma equipa rotativa de actores cria a partir de jogos teatrais e sugestões do público, sem qualquer texto ou cena preparados previamente.

Local: Teatro Rápido, Lisboa

Horário: 25 de Janeiro às 22h

Preço: 7€

 

8. Bolo de Arroz

 Bolo-de-Arroz Um musical infantil, com texto original de Suzanna Rodrigues e encenação de Ricardo Alves, que conta a história de uma paixão que corre terrivelmente mal.

Local: Teatro Rivoli, Porto. (Pequeno Auditório)

Horário: 26 e 27 de Janeiro às 17h

Preço: 3€

 

7. Paisagens Propícias

 iPropicias Um espectáculo de dança que vai beber à obra de Ruy Duarte de Carvalho, cujo universo abrange um largo espectro de produção artística e constitui uma abundante fonte de matéria criativa.

Local: Teatro Nacional São João, Porto

Horário: 25 e 26 de Janeiro às 21h30

Preço: 10€ a 16€

 

6. Eu Também Moro nas Pontas dos Pés

pontas O corpo não é uma roupa que vestimos e despimos. O corpo somos nós: por fora e por dentro. O corpo está vivo e às vezes manda em nós, fala por nós, mexe-se sozinho. O corpo transforma-se: também é vento, chuva, uma estrela-do-mar. Depois de “Daqui vê-se melhor” ― uma encomenda do Teatro Maria Matos que circulou por vários teatros no país ―, Bernardo Carvalho e Isabel Minhós Martins, da editora Planeta Tangerina, preparam com Maria Radich e Suzana Branco a sua segunda criação para palco, aliando teatro e ilustração.

Local: Teatro Municipal Maria Matos, Lisboa

Horário: 25 Jan. 10h, 26 Jan. 16h30 e 27 Jan. 11h e 16h30

Preço: Criança 3€; Adulto 7€

 

5. Django Libertado

 django Escrito e realizado por Quentin Tarantino é uma comédia negra sobre a escravatura em 1858. No oeste selvagem, Dr. King Schultz (Christoph Waltz), dentista e caçador de recompensas, compra o escravo Django (Jamie Foxx), que tenciona libertar em troca de um pequeno favor: ajudá-lo a encontrar, mortos ou vivos, os irmãos Brittle, conhecidos por aterrorizarem a população com os seus actos de crueldade indiscriminada. Depois de conseguido o feito, os dois acabam aliados e Schultz decide ajudar o ex-escravo a encontrar Broomhilda (Kerry Washington), a jovem esposa de quem perdeu o rasto algum tempo antes. Até que, percorrendo um longo caminho, chegam à enorme plantação do poderoso e cruel Calvin Candie (Leonardo Di Caprio), que enriqueceu à custa de trabalho escravo. Porém, para que seja possível o resgate da rapariga, eles terão de lutar, não apenas contra Candie e os seus capatazes, como também contra preconceitos profundamente enraizados.

 

4. KINO 2013 – Mostra de Cinema de Expressão Alemã

 kino

A KINO – Mostra de Cinema de Expressão Alemã regressa a Lisboa e volta a apresentar uma selecção de produções que passaram pelos mais importantes festivais de cinema na Alemanha, tais como a Berlinale e o DOK-Leipzig. A edição deste ano coincide com as comemorações do 50º aniversário do Goethe-Institut Portugal, razão para organizar o ciclo Para além de Oberhausen que tem lugar no Espaço Nimas e que pretende recriar o ambiente cinematográfico que se vivia na Alemanha há 50 anos.

Programação: www.goethe.de/ins/pt/lis/kue/flm/kin/ptindex.htm

 

3. Isto é que me dói

 Doi

Numa homenagem a Raul Solnado, José Raposo regressa ao Villaret com a comédia de 1977, que se destacou no panorama teatral português.

Local: Teatro Villaret, Lisboa

Horário: Quarta a sexta às 21h30; Sábado às 16h e 21h30; Domingo às 16h

Preço: 15€

 

2. Ana Moura

 ana_moura Ana Moura apresenta o seu último álbum “Desfado”, que conta com participações de  Márcia, Pedro Abrunhosa, Manel Cruz (Ornatos Violeta, Supernada), Pedro da Silva Martins (Deolinda), António Zambujo, Luísa Sobral, Nuno Figueiredo e Jorge Benvinda (Virgem Suta) e Miguel Araújo (Os Azeitonas), sem esquecer a participação do pianista Herbie Hancock.

Local: Coliseu dos Recreios. Lisboa

Horário: 24 e 25 de Janeiro às 21h30

Preço: 15€ a 45€

 

1. Teresa Salgueiro

 teresa-salgueiro Teresa Salgueiro também apresenta hoje o seu novo trabalho “O Mistério”. Gravado no Convento da Arrábida, resulta de “uma reflexão sobre a dimensão humana perante o mistério da vida”.

Local: Fórum Cultural José Manuel Figueiredo, Baixa da Banheira

Horário: 24 e 25 de Janeiro às 22h

Preço: 6€

 

 

Artigos Relacionados:

10 grandes artistas de rua
A semana em 10 comentários do Papa Móvel
Os 10 melhores tweets da semana (2013.10)
Os 10 melhores tweets da semana (2013.16)

Um comentário a “10 razões para sair de casa (2013.04)”

  1. Margo10 diz:

    Se não estivesse a legenda ao lado eu nunca diria que a menina da franja era a Teresa Salgueiro, minha nossa que mudança, está toda fashion! 🙂 Estou curiosa para ouvir o novo album!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

404